A quilometragem da F1 em 2012

Nas 11 primeiras provas da F1, três pilotos completaram todas as 686 voltas disputadas: Fernando Alonso, Kimi Räikkönen e Nico Rosberg. Isso resulta em um total de 3329 quilômetros. Logo atrás vem Mark Webber, com uma volta a menos e 3324 km. O quinto é Button.

Para Alonso, Räikkönen e Webber, essa regularidade está lhes garantindo a presença na disputa pelo título da temporada de 2012. Kimi só não pontuou na China, quando seria segundo, mas os pneus acabaram nas últimas voltas e ele chegou só em 14º. Webber, por sua vez, foi 11º no GP da Espanha, uma volta atrás do vencedor, e é por isso que ele percorreu 5 km a menos. Alonso pontuou em todas.

Button e Rosberg não podem dizer o mesmo, ficaram um pouco para trás nas corridas e também no campeonato, apesar de estarem quase sempre chegando até o fim.

Mas chamam a atenção as duas últimas posições neste ranking. As nanicas? Não. P23 para Romain Grosjean, e P24 para Michael Schumacher.

No caso do francês, a explicação é simples: cinco acidentes na primeira volta em 10 corridas. Na Inglaterra e na Alemanha ele seguiu na disputa, mas na Austrália, na Malásia e em Mônaco, sua corrida acabou mais cedo. Na Austrália e em Mônaco, ele estava na segunda fila, e na Malásia, na terceira. Soma-se a isso o problema no alternador no GP da Europa, em Valência.

Para Schumacher, o problema foram os problemas mecânicos. Em onze corridas, o alemão enfrentou contratempos na Austrália, na China, em Mônaco e no Canadá. Na Espanha, errou e bateu em Bruno Senna ainda no começo da corrida e, na Hungria, deixou uma prova já arruinada a 11 voltas do fim com um superaquecimento no motor.

Fica aí uma ironia: ao passo que Rosberg completou todas as provas e está entre os que mais andou na temporada, seu companheiro de Mercedes é o piloto que menos andou até aqui.

Entre as equipes, a Ferrari é a primeira, a frente de McLaren, Red Bull, Toro Rosso, Force India, Williams, Sauber, Caterham, Marussia, Lotus, Mercedes e HRT.

Para efeito de comparação, o trio vencedor das 24 Horas de Le Mans deste ano, André Lotterer, Marcel Fässler e Benoit Tréluyer percorreu 5152 km.

Segue a lista com a quilometragem percorrida pelos pilotos em 2012:

1- Fernando Alonso – 3329
2- Kimi Räikkönen – 3329
3- Nico Rosberg – 3329
4- Mark Webber – 3324
5- Jenson Button – 3287
6- Daniel Ricciardo – 3271
7- Lewis Hamilton – 3268
8- Felipe Massa – 3255
9- Sebastian Vettel – 3199
10- Heikki Kovalainen – 3164
11- Jean-Éric Vergne – 3144
12- Paul di Resta – 3029
13- Bruno Senna – 3020
14- Nico Hülkenberg – 3016
15- Sergio Pérez – 2949
16- Kamui Kobayashi – 2891
17- Timo Glock – 2886
18- Charles Pic – 2879
19- Pastor Maldonado – 2868
20- Vitaly Petrov – 2646
21- Narain Karthikeyan – 2497
22- Pedro de la Rosa – 2475
23- Romain Grosjean – 2375
24- Michael Schumacher – 2367

Anúncios

3 comentários em “A quilometragem da F1 em 2012

  1. Eu já nem torço mais pros brasileiros por patriotismo. Torço por vingança. Torço pro Massa ser campeão dessa droga, pro Bruno dar banho no Maldonado toda corrida, etc. Só pra calar a boca da única torcida do mundo que conhece tudo sobre um carro de F1 e que sabe dirigir melhor que seus pilotos.

Comente este post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s