Greve das Índias

Os pilotos de Vijay Mallya estão em greve. Mas não os de F1. São os da Kingfisher, companhia aérea do magnata indiano, que estão pedindo reajuste salarial. E já faz algum tempo que os funcionários do dono da Force India estão cancelando voos e criticando a empresa.

Tranquilo, Mallya disse que se as pessoas pensam que ele vai se sentir pressionado pelos cancelamentos, “elas estão erradas”.

Mallya justificou as dificuldades financeiras da Kingfisher pelas “dificuldades extremas pelas quais está passando para manter a companhia aérea voando nos mais altos padrões de segurança”.

O multimilionário ainda falou que não é a greve e as críticas que os funcionários que vai reerguer as finanças da Kingfisher.

Essa não é a primeira vez que Mallya enfrenta problemas do tipo. Em 2009, o motorhome da Force India chegou a ser confiscado, por falta de pagamento.

O cara tem uma equipe de F1, um dos maiores iates do mundo que é onde fazem a maior festa do fim de semana da F1 em Mônaco, companhia aérea, marca de uísque, mas vai cobrar alguma coisa dele…

Anúncios

Comente este post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s