Nada de Vettel na Ferrari

SÃO PAULO – A ida de Sebastian Vettel para a Ferrari em 2014 vai ficando mais improvável a medida que o tempo passa. O Andrew Benson, da BBC, que tem se mostrado como um dos mais confiáveis da F1 recentemente, publicou informações a respeito da renegociação de contrato de Fernando Alonso.

Essa renegociação, para ampliar o vínculo que o espanhol tem com a Ferrari até 2016, inclui um veto a Sebastian Vettel. Alonso não quer ter dentro de sua equipe um piloto que teria status de igualdade. Também é melhor brigar com o alemão tendo um carro diferente do que vê-lo andando mais rápido com o mesmo equipamento – andar pior significaria que ele é pior. Aí entra uma questão de egos: um cara como Alonso nunca vai querer admitir admitir a superioridade de seu maior adversário.

E a Ferrari nunca gostou mesmo de ter dois pilotos fodões no time, dois que pudessem brigar por título. Teve com Alain Prost e Nigel Mansell, mas Mansell não acompanhou Prost e Senna em 1990. Teve com Pironi e Villeneuve. Recentemente, o duelo mais próximo foi entre Felipe Massa e Kimi Räikkönen, mas cada um teve um ano bom. Os italianos gostam é de ter um primeiro piloto, para ser campeão de pilotos, e um escudeiro, para garantir o Mundial de Construtores.

Ainda segundo Benson, a saída de Vettel da Red Bull também é improvável neste momento, diante dos contratos de longo prazo que Christian Horner e Adrian Newey firmaram. O que é cogitada é uma renovação – o contrato de Vettel vai até 2014.

Já cheguei a acreditar na possibilidade, haviam muitos indícios e, onde há fumaça, há fogo. Mas parece que o fogo foi controlado. Hoje não penso mais que veremos Alonso e Vettel juntos. O alemão está contente onde está e não quer ir para a Ferrari brigar com o rei do pedaço. Alonso não quer receber uma companhia indesejável nos boxes.

Aí podemos começar a pensar nos nomes de outros pilotos para correr pelo time italiano a partir de 2014, se Felipe Massa não seguir mesmo por lá. Talvez o de Nico Hülkenberg, dependendo de como ele se sair neste ano com a Sauber. Ou Mark Webber, que parece ser visto com bons olhos nos bastidores de Maranello – e pelo amigo Alonso.

Anúncios

3 comentários em “Nada de Vettel na Ferrari

  1. Sou fã do Alonso e claro que minha fala aqui será interpretada por um mero fã que está se doendo com o post, mas comigo mesmo eu sei que não é este o caso. Acontece que tudo o que se fala parece ser para queimar total o filme de Fernando. Como uma notícia deste tipo vaza? Qual foi o veículo e que credibilidade tem para isso se espalhar pelo mundo? O cara tá remando remando e fazendo milagres com um carro que é uma bosta, nada mais normal do que ser o primeiro piloto e ponto. Eu acredito piamente que em condições de igualdade ele pode bater tanto Hamilton quanto Vettel…mas quais garantias ele teria disso? O que aconteceu em 2007 foi uma baita sacanagem, isso sim. Nenhum piloto de F1, NENHUM, quer como companheiro de equipe um piloto que seja igual ou até superior. Todos eles querem a condição de primeiro piloto, só não falam. A RBR é uma baita duma mascarada…o mundo inteiro sabe que o Vettel é o queridinho da equipe e ele sabe disso também. A RBR já prejudicou o Mark e quem acompanha este esporte sabe disso. Então cada protege o seu interesse e ponto final.

Comente este post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s