Duas vagas ainda abertas na Stock Car 2013

SÃO PAULO, 20h15 – O blog ficou um pouco parado nos últimos dias, é verdade. Não deu tempo. Bora, pois, atualizar aqui a situação da Stock Car. Mais alguns anúncios aconteceram e agora, a menos um mês do início do campeonato, somente dois lugares ainda estão disponíveis no grid da categoria.

Sérgio Jimenez (Foto: Bruno Terena)
Sérgio Jimenez (Foto: Bruno Terena)

Desde que escrevi este outro post aqui no blog, três confirmações aconteceram. Felipe Lapenna vai correr na Hanier, Vitor Genz na Gramacho e Sérgio Jimenez na Voxx.

Voxx… o que é isso? Fiz a mesma pergunta quando vi. Voxx é um suplemento fabricado pela Cimed, que recentemente comprou a equipe JF, do preparador Jorge de Freitas. O time ainda não apresentou suas cores, mas foi confirmado com este nome pela Vicar. Uma boa jogada de marketing da Cimed para divulgar o produto. Eu, por exemplo, não fazia ideia que essa marca de suplementos existia.

O companheiro de Jimenez será mesmo Denis Navarro, que era patrocinado por outra farmacêutica no ano passado, a Neoquímica, mas que contou com o apoio da Cimed antes disso, nos tempos de F3. O time contará assessoria de Andreas Mattheis, já dono de outras duas equipes na Stock Car e não pode assumir a propriedade de uma terceira.

Como esses três serão, na prática, estreantes – Jimenez já competiu em duas provas, mas nunca disputou um campeonato completo -, o número de novatos subiu ainda mais. Serão oito: Rubens Barrichello, Fabio Fogaça, Wellington Justino, Beto Cavaleiro, Rodrigo Pimenta, Lapenna, Genz e Jimenez. Aí o Nei Tessari me lembrou que o Raphael Matos também é estreante. Então são nove.

Feitos estes anúncios, as duas vagas ainda indefinidas são das equipes Bassani e ProGP.

Eduardo Bassani já confirmou o retorno de Diego Nunes, que ostentará o patrocínio da petrolífera malaia Petronas. Foi com a Bassani que Nunes venceu a etapa de Curitiba em 2010, a última daquele campeonato. 2012 foi bem complicado para a equipe, que não conseguiu fechar com ninguém para a temporada toda. Em dezembro, em entrevista ao GRANDE PRÊMIO, o seu Bassani chegou a dizer que nem voltaria para a Stock Car caso não conseguisse bons pilotos. No Brasileiro de Marcas, seu time foi o que mais pontos somou para dar o título à Toyota.

Esse é o layout do carro de Diego Nunes para 2013
Esse é o layout do carro de Diego Nunes para 2013

A ProGP, de Duda Pamplona, tem Duda Pamplona confirmado. Seu companheiro de equipe é que segue indefinido. Em 2012, quem pilotou o segundo carro foi Vitor Meira, de volta dos Estados Unidos. Não se destacou, pelo menos na Stock Car. No Br. de Marcas ele andou melhor.

O grid da Stock Car, portanto, está assim para a corrida de abertura da temporada 2013, marcada para o dia 3 de março, em Interlagos (entre parênteses, os patrocinadores que eu sei que estão certos):

Red Bull: Cacá Bueno e Daniel Serra
RC: Ricardo Maurício e Max Wilson
AMG: Átila Abreu e Nonô Figueiredo
RCM: Thiago Camilo e Galid Osman
Vogel: Allam Khodair e Fabio Fogaça
WA Mattheis: Valdeno Brito e Popó Bueno
Boettger: Luciano Burti e Lico Kaesemodel
Carlos Alves: David Muffato e Marcos Gomes
RZ: Ricardo Zonta e Tuka Rocha
Gramacho: Rodrigo Pimenta e Vitor Genz
ProGP: Duda Pamplona e TBA
Mico’s: Julio Campos e Rodrigo Sperafico
JF: 
Denis Navarro e Sérgio Jimenez
Full Time: Rubens Barrichello e Alceu Feldmann
Hanier: 
Beto Cavaleiro e Felipe Lapenna
Hot Car: Raphael Matos e Wellington Justino
Bassani: Diego Nunes e TBA

Anúncios

Comente este post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s