CONFLITO DE INTERESSES

SÃO PAULO | Nunca deixou de ser um mistério o modo como Nicolas Todt administra as contas dos vários clientes que possui na F1 — Felipe Massa, Pastor Maldonado, Jules Bianchi. E ontem, em entrevista coletiva aqui em São Paulo, Massa deu uma declaração interessante: foi ele próprio quem conduziu a negociação com a Williams.

Rápida, devido ao desejo de ambas as partes em fechar o negócio, a conversa não contou com a atuação de Todt por um conflito de interesses: o francês estava acertando a saída de Maldonado do time de Grove, por isso, a escuderia preferiu não dialogar com ele para assinar com o brasileiro. Massa, que não pareceu muito incomodado com o tema, consultou seu empresário, é claro, mas decidiu-se sozinho.

E, até agora, o piloto se mostra bem confiante de que fez a escolha correta. Está bem-humorado, animado e contente porque o carro parece bom após a primeira bateria de testes.

“Ah, mas falavam a mesma coisa do Massa no início de 2013”.

Sim, porém, é um pouco diferente a situação. No começo do ano passado, ele era um piloto que havia reencontrado o caminho depois de uma fase terrível. Dessa vez, está fora da Ferrari e empolgado com um novo desafio. Pode ser que isso não se reflita em nada durante o ano, mas é apenas um registro de como sua postura parece diferente nessa nova temporada. A mudança de ares fez muito bem a Felipe.

Anúncios

Comente este post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s